Presença, por Rosa Maria Dias.

É verdade.. o homem é bem capaz de vê
E não o é pelos olhos da face
E eu sou capaz..
De verte caminhar ao meu encontro
E nitidamente próximo fazer-te real
Tu és verdadeiro
E eu amo!
Sou capaz de longe sentir-te
E eu vivo!
Sou capaz!
De andar nessas ruas tortas sem saber do retorno
Mesmo até que não volte
Sou capaz!
De outros caminhos solitários…
Pois tua ausência impregnou-me de coragem
E qualquer desvantagem é viagem
E mesmo perdida, encontro qualquer coisa
Que justifique o engano
Porque és em ti
Que recosto o resumo das tardes em seu fim
Se é que o fim existiu
Porque tu mesmo.. és eternamente em mim.

Designed by Freepik